Nossa Senhora das Mercês

A A
Nossa Senhora das Mercês
PADROEIRO
24 de Setembro

Data da fundação

29/06/1953
Vigário Paroquial
Frei Elias Ortiz Fernandez
Vigário Paroquial
Frei Santiago Rodriguez y Garcia-Navas
Uso de Ordem
Frei Telles Ramon do Nascimento

Setor

Anchieta

Endereço

 Rua Nossa Senhora das Mercês , 1463 , Vila das Mercês

Contato

 (11) 2946-4726
 (11) 2940-5557
 Atendimento da secretaria
Terça-feira
08
30
12
30
Terça-feira
15
00
19
00
Quarta-feira
08
30
12
30
Quarta-feira
15
00
19
00
Quinta-feira
08
30
12
30
Quinta-feira
15
00
19
00
Sexta-feira
08
30
12
30
Sexta-feira
15
00
19
00
Sábado
09
00
12
30
Sábado
16
30
17
30
Domingo
08
15
12
00
Domingo
17
00
18
00
Breve história 

O Cardeal Dom Carlos Carmelo de Vasconcelos Mota, assinou, em 29/06/1953, o documento histórico criando a Paróquia Nossa Senhora das Mercês, desmembrando-a da Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus, do Bosque da Saúde.

Após ter visitado pessoalmente os dois núcleos catequéticos, D. Paulo Rolim Loureiro constituiu a primeira comissão destinada a preparar a instalação da Paróquia, sendo a 1ª. Reunião pró-paróquia realizada na casa do Sr. Antonio Leite e Josephina Pizzo Leite, situada à Rua Rádio Record , 11 – atual Rua Ubaitaba, 93.

Primeira Missa – 27/09/1953 presidida por D. Paulo Rolim Loureiro, no galpão cedido pelo Sr. César Impiglia, hoje Condomínio Mirante dos Pássaros, atual Av. Pe Arlindo Vieira, na época, Estrada do Curral Pequeno.

No dia 07/11/1953, Dom Paulo Rolim Loureiro benzia e colocava a primeira pedra fundamental da capela provisória de Nossa Senhora das Mercês, num terreno da Mitra Arquidiocesana de São Paulo.

A pedido do Cardeal Mota, o Padre Bernardo José Bueno Miele, já exercendo uma ação pastoral na Região, foi encarregado de coordenar as atividades, visando criar as condições necessárias de funcionamento da nova paróquia, passando a celebrar, a partir de 10/08/1954, as missas dominicais, até a chegada dos padres mercedários.
A cerimônia de instalação canônica foi realizada no dia 14/11/1954, na Rua Santa Cruz, 23 – atual Rua Marquês de Lages, 1230, primeira casa paroquial dos padres mercedários. A missa de posse foi presidida pelo Cônego José Lafaiete Álvares, chanceler do arcebispado. Era dia de São Serapião e os padres mercedários presentes eram Amadeo González Ferreiros e José Vásques Díaz.

Em dezembro de 1957 foram iniciadas as obras de terraplenagem num terreno cedido pela Mitra Arquidiocesana com toda ajuda financeira obtida através de listas, quermesses, doações e patrocínios mensais, cuja coleta era feita pelo Frei Manuel Santiago Medina Sánchez.

Dentro de suas limitações, a população respondeu aos apelos, não deixando parar as obras. Foi neste clima de trabalhos acelerados que em 27/09/1959 a Igreja Nossa Senhora das Mercês foi inaugurada com a bênção solene de Dom Paulo Rolim Loureiro e a celebração da primeira missa, presidida pelo mesmo.
Com o crescimento da população do Bairro, houve necessidade de criação de comunidades, para um melhor atendimento paroquial. Assim na década de 60 surgiram as Comunidades Sagrado Coração de Jesus e Santa Paulina (este último nome, só agregado em 2002, após a canonização da Madre Paulina) e São João Batista. Posteriormente em 1978, foi fundada a Comunidade de São Lourenço. Em 1958 a ação social dos mercedários resultou no funcionamento do Posto de Saúde.

1962 – Fundação da Escola Nossa Senhora das Mercês.
1975 – Fundação do Seminário maior mercedário.
1985 – Fundação da Creche Nossa Senhora das Mercês.

Paróquia a qual faz parte 
Paróquia Nossa Senhora Das Mercês
Lugar - VF - Categoria e Nome 
Matriz Paroquial Nossa Senhora das Mercês

Missas

Segunda-feira
19
00
Terça-feira
19
00
Quarta-feira
19
00
Quinta-feira
19
00
Sexta-feira
15
00
Sexta-feira
19
00
Sábado
17
30
Domingo
07
30
Domingo
09
00
Domingo
10
30
Domingo
18
00

Sacramentos

Batizados

Terceiro domingo do mês, às 11h30

Confissões

De segunda a sexta-feira
18:00