Final do Festival de Teatro

Instituto Nossa Senhora Auxiliadora leva o primeiro lugar,
Publicado em: 09/10/2017 - 17:45
Créditos: Redação

Na última quarta-feira, dia 27 de setembro, o Vicariato Episcopal para a Educação e a Universidade realizou a Final do Primeiro Festival de Teatro dos Colégios Católicos da Região Belém. O evento começou às 19h e terminou às 22h. Foram selecionados para a final os Colégios Nossa Senhora de Lurdes, Mary Ward e Instituto Nossa Senhora Auxiliadora. Por ocasião do Ano Mariano, o tema do Festival foi “Mãe de Todos os Povos, Maria de tantas Marias”, para que os alunos pudessem apresentar peças que homenageassem a Mãe de Deus.

O Festival aconteceu no Teatro Eva Wilma, do Colégio Mary Ward, e contou com a presença da atriz Eva Wilma como jurada artística. Também fazendo parte do júri, estavam Dom Carlos Lema Garcia, Vigário Episcopal da Educação e a Universidade, como jurado religioso, e Lucas Ribeiro, diretor Geral, de Set e Editor do curta-metragem “Shadow Figures”, selecionado para o New Media Film Festival em Los Angeles em junho deste ano, como jurado técnico.

“O teatro realmente é uma arte transformadora e nós temos consciência da importância disso que fazemos com o público. (...) Acho a iniciativa de um festival muito importante, muito estimulante para todos nós”, afirmou a atriz Eva Wilma.

Todos os colégios apresentaram belíssimas homenagens a Nossa Senhora que surpreenderam não só os jurados, mas todos os presentes. Cerca de 200 pessoas compareceram ao Festival. O Instituto Nossa Senhora Auxiliadora foi o vencedor desta edição do festival com a peça “Romaria Teatral Nossa Senhora Aparecida”, de texto de Juliana Campanhari e direção de Juliana e Roger Campanhari. O Colégio Mary Ward ficou em segundo lugar com a peça “Anjos das Ruas” de texto e direção de Sérgio Ragazzi, e o Colégio Nossa Senhora de Lurdes ficou em terceiro lugar com a peça “Lembranças”, de texto e direção também de Sérgio Ragazzi.

Esta primeira edição do Festival de Teatro foi muito bem-sucedida. Os alunos e diretores ficaram ansiosos para a próxima edição. O Vicariato também está muito animado e pretende organizar no ano que vem um Festival aberto a todos os colégios da Arquidiocese.