Posse de Dom Julio como Arcebispo de Sorocaba será em 25 de fevereiro

Bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo desde 2011, ele foi nomeado pelo Papa Francisco para a nova função em 28 de dezembro
Publicado em: 12/01/2017 - 16:00
Créditos: Edcarlos Bispo/ Jornal O SÃO PAULO

“Aprendi que o episcopado exige dedicação total. Alma, corpo e esperança, tudo é pedido! Nada pode ser negado! Tentei entregar para o Povo de Deus de São Paulo o que sou e tenho. Reconheço que o proveito foi só meu, pois foi tão grande a felicidade de me entregar que quanto mais ofereci muito mais ganhei. Carrego comigo essa dívida impagável de amor.”

Esse é um dos trechos da mensagem de agradecimento de Dom Julio Endi Akamine, bispo auxiliar e vigário-geral da Arquidiocese de São Paulo, nomeado arcebispo de Sorocaba (SP) pelo Papa Francisco em 28 de dezembro. A posse de Dom Julio está marcada para 25 de fevereiro, em horário a ser definido.

Na mensagem, o Bispo também agradeceu ao Cardeal Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo,  “toda a ajuda, orientação e fraternidade demonstradas nos cinco anos em que estive e trabalhei nesta querida Arquidiocese como bispo auxiliar. Manifesto minha gratidão aos bispos auxiliares com quem tive o privilégio de conviver. Aos padres, diáconos, consagrados e consagradas exprimo reconhecimento pela colaboração no serviço a evangelização em nossa imensa cidade. A todos os fiéis leigos e leigas, agradeço de coração o testemunho e a dedicação à Igreja.”Dom Odilo também escreveu uma nota de agradecimento a Dom Julio, por toda a dedicação e trabalho realizado na Arquidiocese. “Que Deus o ilumine e conduza seu coração de pastor no exercício da nova missão que a Igreja lhe confia na Arquidiocese de Sorocaba! Nossa Senhora Aparecida, cujo tricentenário comemoramos, interceda pelo senhor e o cubra de carinho maternal. Conte com minha oração e aceite meu abraço e saudação fraternal.”


Arquidiocese de Sorocaba

Dom Julio será o terceiro arcebispo de Sorocaba, sucedendo a Dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues, que se torna arcebispo emérito. A Diocese de Sorocaba foi criada em 4 de julho de 1924 pela Bula Ubi Praesules, do Papa Pio XI, sendo desmembrada da Diocese de Botucatu (SP). No dia 29 de abril de 1992, foi elevada a arquidiocese pela Bula Brasiliensis Fidelis, de São João Paulo II, sendo suas dioceses sufragâneas: Jundiaí, Itapeva, Registro e Itapetininga. Localizada no centro-sul do Estado de São Paulo, a Arquidiocese é composta por 12 municípios – Sorocaba, Votorantim, Tietê, Porto Feliz, Piedade, Cerquilho, Boituva, Salto de Pirapora, Araçoiaba da Serra, Tapiraí, Iperó, Jumirim –, com um total de 52 paróquias e três santuários.

Sobre Dom Julio

Dom Julio Endi Akamine, SAC, filho do casal Guengio Akamine (falecido) e Teruco Oshiro Akamine, nasceu em 30 de novembro de 1962, em Garça (SP). Em 1975, entrou no Seminário da Sociedade do Apostolado Católico (SAC), Palotinos, em Londrina (PR), onde completou os estudos no Seminário Menor São Vicente Pallotti. Fez o noviciado em 1979 no Seminário Rainha da Paz, em Cornélio Procópio (PR). Sua primeira consagração foi em 8 de dezembro de 1980, na mesma cidade.


Cursou Licenciatura em Filosofia na Pontifícia Universidade Católica (PUC), de 1981 a 1983, e Teologia no Studium Teologicum Claretianum, de 1984 a 1987, na Arquidiocese de Curitiba (PR). Foi ordenado sacerdote em 24 de janeiro de 1988, na cidade de Cambé (PR). Obteve o mestrado em Teologia na Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma (1993 a 1995) e doutorado na mesma Universidade (2001 a 2005).
Como sacerdote palotino, desempenhou a função de vigário paroquial, pároco e reitor do Seminário Mario Palotino, em Curitiba. Também foi assessor da Organização dos Seminários e Institutos Filosófico-Teológicos do Brasil (Osib) no Regional Sul 2 da CNBB. Entre outras funções, atuou como diretor do período introdutório da Província Regina Apostolorum, na Itália (2003-2004).


No período de 1996 a 2001 e de 2005 a 2011, foi professor de Teologia no Studium Theologicum, em Curitiba. Foi reitor provincial da Província Palotina São Paulo Apóstolo, com sede na capital paulista, de 2008 a 2011, quando foi nomeado bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, em 4 de maio daquele ano, pelo Papa Bento XVI. Sua ordenação episcopal foi em 9 de julho de 2011, com o lema é “Bonum Facientes Infatigabiles” (Não vos Canseis de Fazer o Bem).


(Com informações do Portal Arquisp.org.br e CNBB)